15ª Conferência Internacional Anticorrupção encerra com uma chamada urgente para o fim da impunidade

Issued by Transparency International Secretariat



A necessidade de combater a impunidade foi destacada na sessão de encerramento da 15ª Coferência Internacional Anticorrupção, que promoveu a cultura da transparência levando a participação da sociedade.

A 15ª Conferência Internacional Anticorrupção (IACC) reuniu mais de 1900 representantes do setor público, privado e de organizações sem fins lucrativos de 140 países.

Com o tema “Mobilizando as pessoas: Conectando agentes de mudança“, a conferência explorou cinco desafios principais: extinguindo a impunidade; governância limpa; prevenindo fluxos financeiros ilícitos; transições políticas levando a governos estáveis e transparentes; e esportes limpos.

Mais de 50 sessões abordaram  novas formas de conectar cidadãos para manter os líderes de ambos os setores público e privado alertas, com ênfase especial para o uso de novas tecnologias , mídia social bem como o apoio às novas gerações.

“Os últimos quatro dias de debates intensos espalharam entusiasmo pelo combate à corrupção e renovou nossa determinação para acabar com a impunidade que ajuda e estimula a corrupção em todos os setores do governo e negócios“, disse Barry O’Keefe, presidente do Conselho da IACC.

“A IACC tem sempre sido uma conferência mundial muito inovadora e nós temos muito orgulho em ter recebido tal evento no Brasil. Aprendemos muito nesses quatro dias de trabalho (1.900 especialistas de 140 países) as melhores práticas e discutimos idéias e soluções viáveis para combater e prevenir a corrupção, disse o Ministro Jorge Hage, da Controladoria-Geral da União (CGU).

A presidente Dilma Rousseff abriu a Conferência. O ministro Jorge Hage Sobrinho, da CGU, o ministro de Relações Exteriores Antonio Patriota, a ministra do Meio Ambiente Izabella Teixeira e o ministro da Justiça José Eduardo Martins Cardozo também trataram alguns assuntos na Conferência. Outros palestrantes de peso foram os ganhadores do prêmio Nobel Tawakkol Karman, Richard Goldstone, Baltasar Garzón e Misha Glenny, autor do livro sobre crime organizado McMafia.

Por iniciativa da sessão Mudando o Jogo da IACC, a conferência convidou 23 jovens jornalistas da Tunísia ao Nepal para cobrir a 15ª IACC como parte da iniciativa Jovens Jornalistas. Tivemos também 25 programadores para coordenarem uma hacktona de quatro dias e desenvolver novas ferramentas para ajudar os ativistas a combater a corrupção. Além disso, a iniciativa ganhou o valor de € 5.000,00 para fazer projetos inovadores anticorrupção tornarem-se realidade.

A IACC, que ocorreu primeiramente em 1983, evoluiu para um fórum global sobre governança e combate à corrupção. A conferência cria o sentimento de cooperação e o desenvolvimento de novas ferramentas para enfrentar a corrupção no governo, nos negócios e na sociedade. A 15ª IACC foi organizada pelo Conselho da IACC em conjunto com a Transparência Internacional, Amarribo, Instituto Ethos, e foi generosamente sediada pelo Governo Brasileiro e o escritório da CGU no Brasil.

O Conselho da IACC expressou apreciação sincera ao Senegal e aos seus esforços para combater a corrupção e também o interesse do país em sediar a IACC no futuro.

A 16ª edição acontecerá na Tunísia em 2014. O vice-primeiro-ministro Ladgham da Tunísia esteve presente na Conferência.

###

A Transparency International é a organização civil da sociedade que leva o combate a corrupção.


For any press enquiries please contact

Natalie Baharav
Email: .(JavaScript must be enabled to view this email address)

Berlin
Tel: +49 30 3438 20 666

Brasilia
Tel: +55 61 8137 1844

Latest

Support Transparency International

Promise and peril: blockchain, Bitcoin and the fight against corruption

Bitcoin and the blockchain technology that drives it are among the most disruptive digital innovations to have emerged in recent years. We take a look at the potential of blockchain in anti-corruption efforts.

Former vice-president on trial: a watershed moment for Portugal and Angola

Manuel Vicente is the former head of the all-powerful Angolan state oil company Sonangol and was, until a few months ago, the vice-president of Angola. Now he is the main target of a high-profile corruption case in Lisbon.

The theme for the 18th edition of the International Anti-Corruption Conference (IACC) is announced

Building on the priorities set out in the Panama Declaration, the 18th IACC in Denmark from 22 to 24 October 2018 will move the pledge of acting together now to concrete action.

A new home for our corruption research

Transparency International is excited to announce the launch of the Knowledge Hub, a dedicated online space for our research.

Pardon me? Presidential clemency and impunity for grand corruption

Recent events in Brazil and Peru have shone a spotlight on the issue of presidential pardons in cases of grand corruption. Read more to find out the best practices that legislators can use to ensure that pardons are not abused for political purposes.

Stopping Dirty Money: the Global Effective-O-Meter

As of January 2018, global effectiveness at stopping money laundering stands at 32% effectiveness.

Corruption in the USA: The difference a year makes

A new survey by Transparency International shows that the US government has a long way to go to win back citizens’ trust.

Social Media

Follow us on Social Media

Would you like to know more?

Sign up to stay informed about corruption news and our work around the world